Felicidade

Artista invade sala de tomografia infantil e espalha flores coloridas deixando rastro de alegria

2020-11-25

author:

Artista invade sala de tomografia infantil e espalha flores coloridas deixando rastro de alegria

Ícone da pop art, o artista japonês Takashi Murakami é conhecido mundialmente pelas suas flores coloridas. Sua arte já estampou inúmeros monumentos públicos e objetos do cotidiano, e recentemente foi usada para levar mais alegria às crianças hospitalizadas. Em parceria com a organização RxArt, o artista invadiu uma sala de tomografia do Children’s National Hospital em Washington, espalhando suas icônicas flores coloridas com o objetivo de levar mais alegria à vida das crianças.

Takashi Murakami hospital infantil 1

Desenvolvidas pela primeira vez na década de 1980, as flores coloridas de Murakami são emblemáticas do movimento superflat art, escola artística pós-modernista, fundada pelo próprio artista  e influenciada pelos estilos japoneses mangá e anime. Segundo o artista, a inspiração veio da cultura pós-guerra, que o levou a “achatar” a distinção entre belas artes e consumismo.

Takashi Murakami hospital infantil 2 - tomografia

O ambiente hospitalar não costuma ser amigável, sendo que para as crianças chega a ser assustador. Mais do que embelezar estas amedrontadoras salas de tomografia, a iniciativa pretende levar a arte para outros lugares e alegrar as visitas das crianças ao hospital. É a noção de que a arte pode curar!

Takashi Murakami hospital infantil 3 - tomografia

Esta não é a primeira vez que mostramos uma intervenção artística em um hospital. Em plena pandemia do coronavírus, o artista italiano Silvio Irilli colocou as mãos na massa e fez um novo mural no Hospital Papa Giovanni XXIII, na cidade de Bergamo, Itália. Segundo ele, sua arte “representa para nós uma mensagem de esperança para o futuro”.

Takashi Murakami hospital infantil 4

 

Fotos: RxART

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube.