Tecnologia

Empresas estão imprimindo válvulas de ventilação em 3D para hospitais sobrecarregados

2020-03-18

author:

Empresas estão imprimindo válvulas de ventilação em 3D para hospitais sobrecarregados

Com mais de 10 mil infectados e cerca de 630 mortos, o surto do coronavírus na Itália possui uma taxa de mortalidade de mais de 6% e está lotando os hospitais. Diante do imenso desafio de curar todos os doentes hospitalizados, o país europeu está contando com a ajuda da tecnologia. Um hospital em Brescia está usando peças impressas em 3D para manter sua unidade de terapia intensiva em funcionamento. Com a necessidade urgente de itens como válvulas de ventilação, as empresas de impressão 3D neste momento estão ajudando a salvar vidas.

válvulas coronavírus 3D 1

Sem válvulas extras para os dispositivos de ventilação e com o prazo de entrega maior devido à alta demanda, o hospital precisou usar a criatividade para lidar com a crise. Foi então que surgiu a ideia de ligar para empresas locais de impressão 3D capazes de fabricar as válvulas necessárias e levá-las ao hospital rapidamente.

válvulas coronavírus 3D 2

Segundo a 3D Printing Media – uma das empresas envolvidas na iniciativa, na noite em que o material foi entregue, dez pacientes foram atendidos e puderam ser salvos. “Havia pessoas em perigo de vida e nós agimos”, explicou Cristian Fracassi, o técnico que fabricou as válvulas. “Em primeiro lugar, não nos chame, como alguns chamam, de heróis. Claro, as pessoas estavam prestes a morrer, mas nós apenas cumprimos nosso dever. Recusar não seria um ato covarde, mas sim assassino.”

válvulas coronavírus 3D 3

Fracassi postou no Facebook que atualmente está trabalhando na fabricação de outras cem válvulas de ventilação para o hospital. Depois do post ser compartilhado, outras empresas decidiram contribuir. Desta maneira, uma incrível rede de solidariedade vem sendo criada.

 
Fotos 1 e 2: reprodução
Foto 3: Unsplash

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube.