Sustentabilidade

Mercado inova e precifica produtos com base em seu impacto ambiental

2020-11-06

Mercado inova e precifica produtos com base em seu impacto ambiental

Com o objetivo de aumentar a consciência do consumidor sobre o impacto de suas escolhas alimentares, a marca sueca de alimentos Felix abriu recentemente o mercado The Climate Store, onde os preços dos produtos são baseados em seu impacto ambiental. Na prática, isto significa que os consumidores pagam preços mais altos por produtos que têm mais pegada de carbono, como carne e laticínios.

impacto ambiental supermercado 1

Através desta iniciativa inovadora a marca espera reduzir pela metade seu impacto climático. Para entender como funciona o sistema, basta pensar que a moeda é o carbono. Sendo assim, os clientes têm um orçamento semanal de 18,9 quilos em dióxido de carbono, e os itens que fazem uso intensivo de carbono, como produtos de origem animal, têm preços mais altos do que os de origem vegetal, que possuem uma pegada muito menor.

impacto ambiental supermercado 2

“Será emocionante ver como os clientes reagem à negociação com a moeda CO2e e ver se eles conseguem se manter dentro de seu orçamento semanal”, afirmou Thomas Sjöberg, gerente de marketing da empresa. Segundo ele, a iniciativa pode mudar a maneira como as pessoas compram. Acho que será um abrir de olhos para muitos ver como certas escolhas afetam o que você pode comprar na mesma lancheira”, diz.

impacto ambiental supermercado 3

Esta é a primeira vez que o conceito está sendo utilizado, mas espera-se que outras marcas se inspirem e façam o mesmo. Todos os produtos nas prateleiras terão rótulos que indicam seu impacto no planeta, com destaque àqueles que possuem baixo impacto.

impacto ambiental supermercado 4

Sabemos que alimentos de origem animal requerem mais recursos hídricos e terrestres e emitem mais gases de efeito estufa. De acordo com a ONU, a indústria pecuária contribui com quase um quinto das emissões globais de gases de efeito estufa – mais do que todos os meios de transporte combinados – e é a principal causa do desmatamento. O planeta é o que nós comemos!

 

Fotos: Unsplash

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube