Saúde

Pesquisa lista 8 segredos para que as pessoas vivam mais de 100 anos

2021-06-09

author:

Pesquisa lista 8 segredos para que as pessoas vivam mais de 100 anos

Com os avanços na medicina, os seres humanos estão vivendo cada vez mais. Se no século passado era raro encontrar centenários, hoje muitas pessoas chegam e ultrapassam os 100 anos. De acordo com uma pesquisa realizada com mais de 500 mil pessoas nos Estados Unidos, Rússia e Reino Unido, atualmente as pessoas podem chegar até 0s 150 anos e a chave para isso é aumentar é aumentar a expectativa de vida, incorporando algumas práticas em prol da longevidade. Publicada na revista Nature Communications em maio de 2021, a pesquisa listou 8 segredos para que você possa viver mais de 100 anos:

segredos viver 100 anos
Foto: Ravi Patel / Unsplash

1. Siga a fórmula nutricional “cinco por dia”

De acordo com um dos autores do estudo, o epidemiologista, nutricionista e membro do corpo docente da Harvard Medical School e Brigham and Women’s Hospital em Boston Dong D. Wang, nós precisamos consumir duas porções de frutas e três porções de vegetais diariamente para aumentar a longevidade e viver mais de 100 anos.

2. Sente-se mais no chão

No Japão, onde vivem muitas das pessoas com mais de 100 anos do mundo, é prática comum sentar no chão independente da idade. E o que isso tem a ver com a expectativa de vida? É simples: estas pessoas costumam sentar-se e levantar-se dezenas de vezes ao dia, o que representa cerca de 30 ou 40 agachamentos diários. Não é à toa que o Japão é o país com a expectativa de vida mais elevada do mundo!

3. Faça exercícios regularmente

Não restam dúvidas de que praticar exercícios é fundamental para termos mais saúde e disposição, mas uma pesquisa pelo JAMA Internal Medicine concluiu que 150 minutos de prática de exercícios por semana reduz a mortalidade e as causas ou morte por qualquer causa.

4. Encare o envelhecimento de maneira otimista

Se você associa a terceira idade com sofrimento, provavelmente é isso que você terá, afinal, somos responsáveis por cocriar a realidade em que vivemos. Isso não é fácil, já que termos como “anti-idade” e “anti-envelhecimento” nos fazem acreditar que só podemos ser felizes durante a juventude, o que não é verdade. De acordo com um estudo feito em dezembro de 2020 publicado no The International Journal of Aging and Human Development, ser otimista em relação ao envelhecimento pode nos ajudar a viver uma vida mais longa e feliz.

5. Gerencie seu estresse

Relaxar é importante, mas o caminho natural é que antes você se livre daquilo que está te estressando. Segundo o especialista Michael Roizen, o controle do estresse pode desligar genes que levam à inflamação, o que pode levar a problemas como artrite e doenças cardíacas. Ser capaz de gerenciar o estresse é mais do que tomar as rédeas da própria vida, mas é uma das chaves para a longevidade.

6. Viva no presente

Não deixe que o passado te defina e pese sua bagagem, mas também não gaste energia se preocupando demasiadamente com o futuro. Precisamos aceitar que não somos capazes de controlar tudo e está tudo bem. De acordo com Daniel Kennedy, diretor e produtor da série documental Healthy Long Life, muitas das pessoas centenárias que ele conheceu não se concentravam no ontem ou amanhã, mas no hoje.

7. Pratique a compaixão

“Compaixão… abre nosso coração. Medo, raiva e ódio estreitam sua mente”afirma Dalai Lama, que está prestes a completar 86 anos. Segundo o mestre espiritual tibetano, ajudar os outros e olhar para nossas relações com mais empatia pode nos ajudar a ser mais feliz e a viver mais.

8. Aposte na dieta mediterrânea

Centrada em gorduras saudáveis, nozes, sementes, legumes, frutas, vegetais, grãos inteiros e frutos do mar, esta dieta não impõe uma série de restrições e proibições, mas busca ser o mais natural possível. De acordo com uma pesquisa publicada na revista médica Gut em junho de 2020, este tipo de alimentação pode ajudar no processo de envelhecimento, reduzindo a inflamação no corpo e aumentando a função cerebral e a saúde intestinal.

 

 

Gostou do artigo?

Siga a gente no Instagram.

Curta a nossa página no Facebook.

Inscreva-se no nosso canal no Youtube.